Analgésicos e Remédios para dor Seguros

(2017 Q1 report)

Pills

Dor, todo mundo tem em algum momento, e para alguns azarados, o tempo todo. Por esta razão, Analgésicos (ou "Remédios para dor") são drogas conhecidas por todos. No entanto, o que é perigosamente não conhecido por todos é quais delas são mais seguras, quais não deveriam ser usadas por usuários específicos, e quais estão dentre as consideradas perigosas.

O que faz o assunto ainda mais sombrio é o fato da maioria das pessoas só lembrar das notícias mais recentes e não relacioná-las com os dados já conhecidos, portanto quando uma droga tem uma "boa" notícia recente, as pessoas geralmente ignoram o histórico de tal droga, o que pode significar que a pequena boa notícia não faz de uma droga conhecidamente perigosa segura. Ou o oposto, uma nova descoberta de um efeito colateral ruim não anula a segurança de uma droga historicamente segura e com poucos efeitos colaterais, e talvez muito pesquisada.

Este artigo junta várias notícias, informações e pesquisa, e lista as drogas sem prescrição (algumas com) por segurança. Também são apresentados os órgãos (ou sistemas) mais afetados por efeitos colaterais, que podem tornar a droga não preferencial se você possui algum problema no órgão listado.

O índice de segurança vai de 300 (tão seguro quanto água) até 0 (Drogas de última chance, com séria supervisão médica e ainda assim inseguras). Para nossa lista, qualquer droga com placar acima de 250 é considerada segura para qualquer indivíduo sadio (em relação a não ter nenhum problema nos órgãos ou sistemas que podem ser prejudicados pela droga). A força de analgesia é baseada em uma lista usada pela maioria das drogas onde 0 é "placebo" (sem efeito) e 10 a mais forte existente: Morfina (que não esta nesta lista pois é altamente controlada e também cheia de efeitos colaterais, certamente com um placar de segurança muito baixo)

O nome das drogas é em relação ao ingrediente químico, não à marca ou nome vendido. Sempre veja qual o ingrediente dos medicamentos para localizar a droga analgésica.

Nome da droga Dose máxima segura por dia (6) Força de Analgesia Efeitos Colaterais Índice de Segurança
Acetaminophen / Paracetamol 3000mg / dia
1500mg / dia se bebe ou tem problema no fígado
2

Fígado

Overdose (Dano ao fígado) (1)

275
Metamizole / Dipyrone 3000mg / dia por pouco tempo
1500mg / dia uso crônico
2.5

Rins L

Overdose por tempo (Agranulocytosis)  (2)

274
Celecobix (NSAID) 300mg / dia 3.5

Cardiovascular (3) F M

AVC

Estômago

Intestinos

255
Acetylsalicylic Acid / Aspirina  (NSAID) 3000mg / dia
1000mg / dia se tem problema no estômago
1

Reação alérgica

AVC

Estômago J

Intestinos

Rins

Sangramento

Overdose

226
Dicoflenac Sodium/Potassium (NSAID) 200mg / dia
100mg / dia se tem problemas cardíacos
3

Cardiovascular

AVC

Estômago I

Intestinos

Rins

223
Ibuprofen (NSAID) 3000mg / dia 2.5

Cardiovascular (4) K F

AVC

Estômago

Intestinos

Rins

Respiratório

216
Nimesulida (NSAID) 150mg/ dia por não mais de 15 dias 2.5

Cardiovascular

AVC

Estômago

Intestinos

Rins

Fígado P

Overdose P

208
Naproxen (NSAID) 1200mg / dia 3

Cardiovascular

AVC

Estômago

Intestinos

Rins

204
Tramadol 300mg / dia 3.8

Cardiovascular

AVC

Estômago

Intestinos

Rins

Fígado

Respiratório

Hipertensão

Psicológico

Overdose

Viciante

Metabólico

Pode danificar órgãos

176

Notes

  1. Paracetamol tem recebido má atenção devido à facilidade de Overdose e suas fatalidades - atualmente a Overdose Fatal mais comum no mundo ocidental (Dano irreversível ao fígado, que pode levar a fatalidade em apenas 2 dias). No entanto, é importante notar que se tomado dentro da dose recomendada, os efeitos colaterais são muito baixos e não causam dano ao fígado, sendo portanto uma droga muito segura se tomada dentro dos limites.
  2. Metamizole (Dipirona / Novalgina) foi banida em vários países devido à sua ligação com Agranulocytosis, uma condição fatal, por precaução quando descoberto na década de 70. No entanto, mesmo os relatos iniciais eram inconsistentes sobre esta descoberta. Estudos mais recentes (desde a decada de 90) mostraram que Agranulocytosis só acontece se o droga for usada acima da dose permitira por grandes períodos de tempo. Para doses abaixo do máximo seguro e por pouco tempo, a chance de Agranulocytosis é tida como nula, fazendo da droga muito segura. Infelizmente a maioria dos países que baniram a droga levantaram as restrições e a fama da droga, ainda ruim, não ajuda o progresso, mesmo ela sendo atualmente considerada muito segura G H L
  3. Os NSAID inibidorer de COX-2 como o Celecoxib (tambem chamado Cobix) foram quase todos banidos por sérios riscos ao coração, com Celecobix sendo o único ainda vendido. Pesquisas recentes, no entanto, provaram que o Celecobix não apresenta aumento de risco cardíaco comparado com outros analgésicos, e ainda apresenta um risco ao rim menor do que a maioria deles, tornando-o um tanto quanto seguro F M
  4. Na última década, Ibuprofeno tem recebido muitas más notícias em pesquisas sobre analgésicos devido a um aumento nos riscos cardíacos e aos rins, e até mesmo ao sistema respiratório. Relatórios de 2010, 2015 e 2016 todos reduziram o índice de segurança do Ibuprofeno, que já foi considerado o NSAID mais seguro. Apesar de ainda ser o NSAID que menos afeta o sistema gastrointestinal, as descobertas recentes colocam sua segurança em séria discussão.
  5.  Sobre NSAID, todos compartilham os mesmos efeitos colaterais com pequenas alterações: A B C D E F M O
    • Riscos Cardiovasculares (reduzido em Naproxen, Celecoxib e nulo na Aspirin)
    • AVC/Derrame (aumentado em Aspirina devido à micro-sangramentos)
    • Riscos ao estômago (reduzido no Ibuprofen)
    • Riscos Intestinais (reduczido em Ibuprofen e Diclofenac)
    • Riscos Renais (reduzido em Celecoxib)
    • Não são sugeridos durante a gravidez
    • Pequena Hipertensão (exceto Aspirin)
  6. Note que a maioria das medicações não deve ter a dosagem máxima atingida em uma aplicação. Geralmente a dosagem máxima por aplicação é menor, ou seja, você toma o medicamento de 2 a 4 vezes por dia para atingir a dose máxima.

IMPORTANTE: Enquanto amplamente pesquisado e constantemente atualizado, este ainda é um artigo leigo sobre o assunto já que não possuo formação em Saúde. Todas as fontes são publicações confiáveis, e cuido para não esquecer de informações e pesquisas antigas. Também deve ser observado que, por segurança, os limites diários para as drogas apresentadas aqui são menores do que as reais, e os riscos são levemente exagerados, para errar em direção à segurança. Este artigo, portanto, faz uma imagem pior das medicações do que realmente são em nome da segurança

 Lista de penalidade no índice de Segurança

Aqui estão listadas todas as características de um medicamento em todas as drogas listadas. Dano para um sistema/órgão específico que ocorre apenas no caso de overdose é listado em "Overdose" e não no órgão específico, já que na dose segura não há problema. O índice de segurança é calculado por (300 - Penalidade)

Sistema / Órgão Aspirina Naproxen Ibuprofen Celecobix Diclofenac Acetaminophen Metamizole Nimesulida Tramadol
Cardiovascular 3 12 30 6 30 0 0 30 36
AVC 20 20 20 10 10 0 0 10 10
Estômago 20 20 5 10 10 0 0 10 5
Intestinos 8 16 4 8 8 0 0 8 4
Rins 16 16 16 8 16 0 4 8 16
Fígado 0 0 0 0 0 4 0 8 8
Respiratório 0 0 6 0 0 0 0 0 12
Hipertensão 0 1 1 1 1 0 0 1 1
Overdose 5 0 0 0 0 20 10 15 10
Psicológico 0 0 0 0 0 0 0 0 4
Viciante 0 0 0 0 0 0 0 0 5
Metabólico / Geral 2 8 2 2 2 1 2 0 8
Dano permanente 0 0 0 0 0 0 10 2 5
TOTAL 74 96 84 45 77 25 26 92 124

Referencias e fontes

A http://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(13)60900-9/fulltext
B http://www.bmj.com/content/332/7553/1302.long
C https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3019238/
D https://www.fda.gov/ForConsumers/ConsumerUpdates/ucm453610.htm
E https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC558288/
F http://time.com/4568552/ibuprofen-naproxen-inflammation-safety/
G https://medicalxpress.com/news/2016-07-metamizole-alternative-classical-nsaids.html
H https://www.researchgate.net/publication/8148359_Agranulocytosis_associated_with_dipyrone_metamizol
I http://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(13)60900-9/fulltext
J http://www.nature.com/ajg/journal/v95/n9/full/ajg2000570a.html
K http://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(87)90499-5/abstract
L https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4405027/
M http://www.bmj.com/content/354/bmj.i4857
N http://www.npr.org/sections/health-shots/2016/11/13/501033431/safety-of-painkiller-celebrex-affirmed-in-new-study
O http://www.emedexpert.com/compare/nsaids.shtml
P https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26991794